Braind

Brands with brains.

As Marcas Brancas

Ler artigo completo aqui.

4 comentários»

  ArmPauloFerreira wrote @

Gostei do teu artigo. Muito bem falado e abordaste um tipo de produto pouco falado. E se são pouco falados muito menos o são sobre o olhar do marketing e da publicidade.
Bem falado!

  nsu wrote @

obrigado. por acaso gosto de ver a evolução das marcas próprias quer a nível de estratégia de comunicação, quer a nível de packaging e rotulagem. Cada vez são mais elaborados e apelativos.

  ArmPauloFerreira wrote @

É mesmo!
A graça toda é que por vezes a marca branca é um produto de marca.
Lembro-me dos produtos da Compal como a polpa de tomate no Jumbo. Dizia em letras pequenas que é da compal mas sai a preço um pouco mais em conta que o mesmo com a marca no rótulo.

  nsu wrote @

E muitas vezes as fábricas que produzem os produtos de topo, produzem tb os artigos para as marcas dos continentes e pingos doces… É tudo o mesmo. Só a pacote é que difere.


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: